Bitartarato de Colina – O Colinérgico Inicial

Bitartarato de Colina é colina combinada com ácido tartárico. Ese ácido ajuda a aumentar a biodisponibilidade e eficácia deste nootrópico.

A colina foi declarada um nutriente essencial pelo Food and Nutrition Board do Instituto Nacional de Medicina (EUA) em 1998.

Bitartarato de Colina
Bitartarato de Colina

A colina é considerada um nutriente essencial porque quando seu corpo a usa mais rápido que ela pode produzir, você precisa aumentar seus níveis através de alimentos ou de um suplemento.

A colina é encontrada em alimentos como peixe, carne e fígado, fígado de galinha, ovos, bacalhau, brócolis, manteiga de amendoim e leite.

Você precisa de colina para a produção do neurotransmissor acetilcolina. E para formar fosfatidilcolina, usado na construção de membranas celulares.

De fato, a colina é tão vital para a cognição e função nervosa que, sem ela, não poderíamos nos mover, pensar, dormir ou lembrar de nada.

Numerosos estudos em humanos e animais mostraram uma função cerebral aprimorada quando receberam suplementação de colina.

Bitartrato de colina aumenta a cognição

Bitartrato de Colina vs. Citicolina vs. Alfa GPC: Qual é a Diferença?

A colina é um nutriente solúvel em água e sua composição é semelhante às vitaminas do complexo B. Bitartarato de Colina, Citicolina e Alfa GPC são todas as fontes de colina.

Bitartarato de Colina: Contém cerca de 40% de colina em peso. Então 1 grama oferece 400 mg de colina real. Não atravessa facilmente a barreira hematoencefálica. Então você não experimentará o mesmo nível de benefícios nootrópicos como com o Alpha GPC ou Citicolina.

Citicolina (CDP-Colina): tem apenas cerca de 18% de colina em peso. Seu corpo naturalmente sintetiza colina em CDP-colina (citicolina). É então convertido em fosfatidilcolina, que ajuda as membranas celulares e ajuda a criar acetilcolina.

Alpha GPC: Cerca de 40% de colina por peso e atravessa facilmente a barreira hematoencefálica. Alfa GPC ocorre naturalmente em seu cérebro como um subproduto da fosfatidilcolina. Quando seu cérebro precisa de mais colina, e a colina flutuando em seu cérebro está acabando, ele quebra a fosfatidilcolina das membranas celulares. E o transforma em Alpha GPC.

Seu corpo e seu cérebro adoram quando você usa colina. Por não precisarem canibalizar suas próprias células para obter mais colina.

Como Funciona?

O bitartarato de colina aumenta a saúde do cérebro e funciona de várias maneiras. Mas duas em especial se destacam:

O bitartarato estimula a acetilcolina, um neurotransmissor ligado à memória e à função cerebral geral.

Bitartarato de colina é um precursor da acetilcolina. Melhorando a eficiência das comunicações entre os neurônios do seu cérebro. Este aumento na sinalização neural aumenta a memória, o aprendizado, o processamento cognitivo e a clareza mental.

bitartarato de colina melhora a velocidade e precisão

Uma equipe de pesquisadores nos Países Baixos decidiu determinar se o bitartarato de colina poderia afetar a coordenação do movimento e a percepção visual. Neste estudo, eles trabalharam com um grupo de 28 pessoas que tomaram 2 gramas de bitartarato ou um placebo.

Uma hora e dez minutos depois de tomarem a colina ou placebo, eles tentaram rapidamente atingir o centro de um alvo. Os participantes que tomaram a colina não só foram muito mais precisos em atingir o centro alvo do que o grupo placebo: eles também fizeram isso mais rápido.

Os pesquisadores concluíram que havia um “viés induzido pela colina” em relação à precisão, velocidade e precisão.

Eles até mediram o tamanho da pupila nos participantes. E determinaram: “As mudanças no tamanho da pupila sugerem que a captação de colina altera as funções colinérgicas no sistema nervoso.” [IV]

E por conseguinte. bitartarato de colina aumenta a memória. Pesquisadores e profissionais da área médica sabem há muito tempo sobre a falta de memória em pessoas com deficiência de colina.

Um estudo da Universidade Northwestern, em Chicago, testou pessoas com deficiência de colina. Eles deram-lhes uma série de testes de memória e encontraram suas pontuações abaixo da média.

Neste estudo, eles deram um grupo extra de colina, e os outros receberam um placebo. Após 24 semanas, os dois grupos repetiram testes de memória.

O grupo que recebeu colina extra mostrou uma melhora dramática na memória. O grupo placebo teve um desempenho fraco como esperado, com pontuações iguais às do teste original. [V]

Benefícios do Bitartarato de Colina

Pesquisas de centenas de estudos mostraram que a colina:

  • Elimina a confusão e confusão mental
  • Aumenta a energia
  • Melhora a aprendizagem
  • Melhora a memória e recordação
  • Ajuda o foco e reduz a irritabilidade
  • Melhora o desempenho físico
  • Elimina a fadiga

Bitartarato de Colina é solúvel em água. Depois de digerido, ele entrará na corrente sanguínea e atravessará a barreira hematoencefálica. Uma vez em seu cérebro, ele aumenta a transmissão do sinal neural e repara os neurônios.

O bitartarato de colina melhora a função cerebral e a memória aumentando a produção de acetilcolina. E impede que os neurônios sejam canibalizados quando seu cérebro está procurando por mais colina.

Qual a Sensação?

Depois de tomar Choline Bitartarato, você deve sentir um aumento na sua capacidade de pensar, o humor deve melhorar e seu nível de energia deve subir.

Bitartarato de colina melhora a memória e humor

O bitartarato influencia o nível de acetilcolina no cérebro. Esse neurotransmissor crucial afeta a memória, a cognição, a recordação e o aprendizado.

Níveis baixos de colina deixam você com névoa cerebral e incapacidade de pensar com clareza. Você também pode experimentar uma queda no humor e alguma irritabilidade.

Se você está usando qualquer coisa da família racetam de nootrópicos e você sentir uma dor de cabeça – seu cérebro provavelmente está faminto de colina. Sempre tome seu suplemento de colina com pelo menos 20 minutos de antecedência antes de tomar um racetam.

A Pesquisa

Framingham Heart Study é um estudo cardiovascular de longo prazo sobre residentes na cidade de Framingham, Massachusetts. O estudo começou em 1948 com 5.209 adultos. E está agora em sua terceira geração de participantes.

Este estudo de Framingham Offspring envolveu 1.391 indivíduos livres de demência. As idades variaram de 36 a 83 anos. Os participantes foram submetidos a um questionário de frequência alimentar, e ressonância magnética do cérebro. Este estudo foi dividido em duas partes, de 1991 a 1995 e 1998 a 2001.

Eles foram testados para memória verbal, memória visual, aprendizagem verbal e função executiva. E um exame de ressonância magnética mediu o volume do cérebro.

O estudo concluiu que os residentes com maior ingestão de colina estavam diretamente relacionados ao desempenho cognitivo significativamente melhor. [VI]

Bitartarato de colina ajuda com o exercício e o desempenho muscular

Bitartarato aumenta a energia mental, foco e concentração. Todos críticos para atividade física e desempenho atlético.

O efeito da colina no seu metabolismo e neurotransmissores no cérebro produz tempos de reação mais rápidos. E encurte o tempo necessário para o processamento mental.

Colina ajuda a melhorar seus níveis de energia, humor e tempo de recuperação após um treino. Também é crítico para a função do nervo muscular e na prevenção da fadiga, dores musculares e dor após um treino.

Quando seus músculos se movem, a colina é necessária para ativar o neurotransmissor acetilcolina. Este neurotransmissor envia sinais para os músculos e faz com que eles se movam[VII]

Dosagem

A dosagem recomendada de bitartarato de colina é de 500 mg a 3.000 mg por dia.

Você pode usar doses mais elevadas de bitartarato de colina, por ser uma versão solúvel em água de colina. E uma quantidade limitada dessa fonte de colina atravessará a barreira hematoencefálica.

Outras versões lipossolúveis da colina, como o Alpha GPC e Citicolina, atravessam facilmente a barreira hematoencefálica e penetram nas células. Portanto, doses menores são necessárias.

Efeitos Colaterais

As dosagens recomendadas, mesmo por longos períodos, são consideradas bem toleradas e seguras. Embora o bitartarato de colina seja considerado não-tóxico, é possível sentir toxicidade com muita colina em seu corpo.

Os sintomas de excesso de colina podem ser similares aos de sua falta.

Se você tiver problemas para dormir, dor de cabeça, diarréia, pressão arterial baixa ou alta, náusea, visão turva ou dor no peito – você deve parar de usar bitartarato de colina.

Onde Adquirir

O Bitartarato de Colina pode ser encontrado em pó e em cápsulas, geralmente em farmácias e lojas de suplementos.

Você também pode adquirir pela nossa loja parceira: https://www.perceptionnootropicos.com/collections/memoria/products/bitartarato-de-colina

Fonte: https://nootropicsexpert.com/choline-bitartrate/

Tradução: Renan Marron e Mota

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Deixe seu comentário

Sobre o Autor

Meu propósito de vida é difundir a arte do biohacking ajudando o maior número de pessoas. Sou viciado na possibilidade de nos tornarmos imortais e já provei quase todos os nootrópicos que sem notícia.

Últimas Publicações